Diferenças entre edições de "Marcos, o Asceta"

Da wiki OrthodoxWiki
Ir para: navegação, pesquisa
Linha 1: Linha 1:
 
{{esboço}}
 
{{esboço}}
 
[[Ficheiro:St-Mark-the-Ascetic-774073.jpg|thumb|right|300px|Marcos o Asceta.]]
 
[[Ficheiro:St-Mark-the-Ascetic-774073.jpg|thumb|right|300px|Marcos o Asceta.]]
Marcos o Asceta (Grego: ''Μάρκος ο ασκητής'', ''Markos ho asketes''), também conhecido como "o Eremita" e "o Monge", foi um Teólogo Cristão e Asceta do século V d.C.
+
Marcos o Asceta (Grego: ''Μάρκος ο ασκητής'', ''Markos ho asketes''), também conhecido como "o Eremita" e "o Monge", foi um Teólogo Cristão e Asceta do século IV d.C.
  
 
==Sua Vida==
 
==Sua Vida==
 +
 +
Muito pouco se sabe sobre a vida dessa grande Eremita da Cristandade. [[Paládio da Galácia]]<ref name="refname1">Patrologiæ Græcæ vol. 65: Tou en hagiois patros hemon Proklou, archiepiskopou Konstantinoupoleos ta sozomena panta : accedunt Severiani Gabalitani episcopi, Theophili Alexandrini, Palladii Helenopolitani, Philo Storgii, s. Attici, s. Flaviani Cp., s. Marci eremite, b. Marci Diadochi, Marci diaconi scripta quae supersunt. Historia Lausiaca (Memoratur tantum), Col 0070. Paris:J.-P. Migne, 1864</ref>, que o viu pessoalmente, disse que ele era extremamente tranquilo e disposto e que ninguém poderia ser comparado a ele, além de que quando de sua idade jovial, o mesmo era leitor assíduo das Sagradas Escrituras o que o fez conseguir decorar todo o Novo e Velho Testamento (façanha dita por Sozomeno).
 +
 +
==Disputas sobre a Identificação de Marcos o Asceta==
  
 
==Suas obras==
 
==Suas obras==
 +
 
As seguintes obras são atribuídas a Marcos o Asceta:
 
As seguintes obras são atribuídas a Marcos o Asceta:
  
Linha 18: Linha 23:
 
* (j) Sobre Melquisedeque (contra pessoas que acham que ele era uma aparição do Verbo divino).
 
* (j) Sobre Melquisedeque (contra pessoas que acham que ele era uma aparição do Verbo divino).
  
Todas as obras acima foram citadas e descritas no "Myrobiblion"<ref name="refname1">Patrologiæ Græcæ vol. 103: Photius of Constantinople. Col 668 ss.  
+
Todas as obras acima foram citadas e descritas no "Myrobiblion"<ref name="refname2">Photiou, patriarchou Konstantinoupoleos ta euriskomena panta : in classes quinque distributa: exegetica, dogmatica, paraenetica, historica, canonica. Codex CC, Col 668 ss.; Tomus tertius. Paris:J.-P. Migne, 1900.</ref>, de Fócio de Constantinopla e foram publicadas na coleção de Gallandi. A elas, a seguinte deve ser acrescentada:
Paris:J.-P. Migne, 1900.</ref>, de Fócio de Constantinopla e foram publicadas na coleção de Gallandi. A elas, a seguinte deve ser acrescentada:
 
  
 
* (h) Contra os nestorianos (um tratado contra esta heresia, colocada fora de ordem).
 
* (h) Contra os nestorianos (um tratado contra esta heresia, colocada fora de ordem).

Revisão das 15h53min de 28 de outubro de 2012

Este artigo ou seção é um esboço (isto é, precisa ser complementado). Você pode ajudar a OrthodoxWiki expandindo-o.
Marcos o Asceta.

Marcos o Asceta (Grego: Μάρκος ο ασκητής, Markos ho asketes), também conhecido como "o Eremita" e "o Monge", foi um Teólogo Cristão e Asceta do século IV d.C.

Sua Vida

Muito pouco se sabe sobre a vida dessa grande Eremita da Cristandade. Paládio da Galácia[1], que o viu pessoalmente, disse que ele era extremamente tranquilo e disposto e que ninguém poderia ser comparado a ele, além de que quando de sua idade jovial, o mesmo era leitor assíduo das Sagradas Escrituras o que o fez conseguir decorar todo o Novo e Velho Testamento (façanha dita por Sozomeno).

Disputas sobre a Identificação de Marcos o Asceta

Suas obras

As seguintes obras são atribuídas a Marcos o Asceta:

  • (a) Sobre a Lei Espiritual;
  • (b) Sobre os que se acham justificados pelas obras (ambos tratados ascéticos para monges);
  • (c) Sobre a penitência;
  • (d) Sobre o batismo;
  • (f) Para Nicolas, sobre a abstinência da raiva e do desejo;
  • (g) Disputa contra um estudioso (contra casos levados perante as cortes civis e sobre o celibato);
  • (h) Consulta da mente com a sua própria alma (que o reprova por tomar Adão, Satã e outros homens como responsáveis por seus pecados ao invés de si próprio);
  • (i) Sobre o jejum e a humildade;
  • (j) Sobre Melquisedeque (contra pessoas que acham que ele era uma aparição do Verbo divino).

Todas as obras acima foram citadas e descritas no "Myrobiblion"[2], de Fócio de Constantinopla e foram publicadas na coleção de Gallandi. A elas, a seguinte deve ser acrescentada:

  • (h) Contra os nestorianos (um tratado contra esta heresia, colocada fora de ordem).

Algumas citações

Referências

  1. Patrologiæ Græcæ vol. 65: Tou en hagiois patros hemon Proklou, archiepiskopou Konstantinoupoleos ta sozomena panta : accedunt Severiani Gabalitani episcopi, Theophili Alexandrini, Palladii Helenopolitani, Philo Storgii, s. Attici, s. Flaviani Cp., s. Marci eremite, b. Marci Diadochi, Marci diaconi scripta quae supersunt. Historia Lausiaca (Memoratur tantum), Col 0070. Paris:J.-P. Migne, 1864
  2. Photiou, patriarchou Konstantinoupoleos ta euriskomena panta : in classes quinque distributa: exegetica, dogmatica, paraenetica, historica, canonica. Codex CC, Col 668 ss.; Tomus tertius. Paris:J.-P. Migne, 1900.

Bibliografia Adicional